“Cidadão Paulistano” – by Michel Serdan #89

O GDR (Gigantes do Ringue) desde sua fundação sempre foi voltado À ‘Obras Sociais’. Sentimos um grande prazer quando podemos fazer a vida de uma pessoa melhor, ou mesmo fazer pessoas sorrirem.

Estamos e estaremos sempre á disposição do Departamento de Traumatologia do Hospital das Clinicas que cuida de pessoas com paralisia cerebral e, no fim do ano, promove um bonito evento para alegrar a vida dos familiares dos pacientes. Na semana das crianças participamos do evento realizado pela ROTA (Ronda Ostensiva Tobias de Aguiar), que abre suas portas ao publico. Participamos também de evento realizado pelo pessoal do Batalhão de Choque da PM aos seus familiares. Nós mesmos promovíamos para as crianças uma grande festa, no Brás, com doces, brinquedos e artistas. A festa começava às 9h00 e terminava às 18h00, e a última a ser realizada teve a presença de mais de 3.000 crianças.

Durante muitos anos, pelo menos uma vez por mês, era convidado para almoçar com a diretoria do Complexo Penitenciário Carandiru antes de ser demolido, claro. Forneci muito material para ajudar a montar academia dentro do Pavilhão 9 e de outros pavilhões além de realizarmos shows de luta livre. Não sei porque os presos torciam para os bases, lutadores maus, também nunca entendi porque gostavam tanto do lutador Black Star.

Brincadeiras a parte, sempre que podia realizava shows e palestras para entidades sem nunca esperar nenhum retorno, só queria mostrar o quanto sou feliz fazendo o que amo a quem precisa. Mas por tudo o que fazia fui agraciado no ano de 1987, na gestão do então Prefeito de São Paulo, Janio Quadros com o título de Cidadão Paulistano e a medalha Anchieta por serviços prestados à comunidade. Para encerrar quero informar que na próxima semana estarei escrevendo um incidente ocorrido dentro do Carandiru, muito engraçado, e tenho certeza de que irão rir muito.

Abraços a todos.

CIDADÃO 004

Deixe uma resposta